Home Destinos de Viagem Tudo sobre os melhores pontos turísticos do Japão para você conhecer!

Tudo sobre os melhores pontos turísticos do Japão para você conhecer!

0
113
Prédio antigo japonês com uma vista ao fundo

Existem inúmeros pontos turísticos no Japão que atraem viajantes de todo o mundo – e cá entre nós, não é para menos! O país do sol nascente é um território repleto de histórias, uma cultura rica e estética própria. Tudo isso se une para formar um destino super interessante com um enorme leque de atrações para explorar.

Separamos uma lista com paradas quase que obrigatórias na sua visita ao país. Vem saber conosco alguns detalhes que não pode ficar de lado no seu planejamento de viagem pelo Japão!

Informações importantes sobre o Japão

Antes de falar sobre os pontos turísticos do Japão, melhor começar falando sobre tópicos que acabam fazendo toda a diferença na hora de conseguir aproveitar as atrações ou até mesmo de decidir em quais delas irá passar!

Moeda do Japão

Vamos começar pelo item que pode colocar qualquer viajante em uma saia justa: o dinheiro durante a viagem. A moeda do Japão é o Iene e ele é valorizado se comparado ao real brasileiro, estando entre as três moedas mais negociadas nas casas de câmbio ao redor do mundo – perde apenas para o dólar americano e o euro.

Nossa recomendação é que você troque o real por Ienes ainda no Brasil, levando ainda uma quantia em mãos para sua viagem. Isso porque a maioria das lojas locais ou pontos de venda de souvenires dentro dos pontos turísticos não aceitam cartões de crédito internacional.

Mas não pense que estamos falando para deixar o cartão 100% de lado e não leva-lo para a viagem! Ele será aceito em lojas de departamento, no hotel, em restaurantes maiores, só não é a melhor escolha quando quiser conhecer aquele templo super tradicional em uma província fora da grande Tóquio.

Clima no país

O clima japonês é bem definido, com estações divididas e que raramente fogem das previsões. Se quiser conhecer o país na época do desabrochar das cerejeiras, agende sua partida entre março e maio. Caso queira curtir o inverno enquanto visita as melhores atrações do Japão, busque passagens entre dezembro e fevereiro!

Atente-se as previsões de chuva para que esse fator não atrapalhe sua programação enquanto estiver por lá. A época de fortes chuvas no país é entre maio e julho, então talvez essa não é a melhor temporada para planejar suas férias em terras nipônicas.

Melhor tipo de transporte

A melhor maneira de se locomover no Japão é por trens – seja no metrô ou nos modernos trem-bala. Eles são a forma mais rápida e mais econômica para ir de um ponto a outro das grandes cidades do país, ou então para viajar de uma cidade a outra em pouco tempo. O sistema de transporte público japonês é muito bem dividido e com certeza conseguirá utilizá-lo sem grandes problemas!

10 pontos turísticos do Japão – Onde ir quando visitar o país!

Tá com papel e caneta na mão? Chegou a hora de anotar os destinos mais legais para conhecer no Japão!

1. Monte Fuji, Fujinomiya

Não dava para começar com outra opção a não ser o pico nevado que tornou-se o grande cartão postal do Japão e é, na verdade, um vulcão inativo localizado no Parque Nacional Fuji-Hakone-Izu. O Monte Fuji possui 3.776m de altura e seu entorno abriga diversas atrações como vilas ninjas, rodas gigantes e muito mais.

O trajeto pode ser feito com ajuda de alguma agência de turismo japonesa – existem várias que oferecem esse serviço – ou então por conta própria

Como chegar: é possível fazer a visita em uma viagem bate e volta saindo de Tóquio. De trem, terá que ir até a Estação Shinjuku, na linha Chuo, até a Estação Otsuki. Depois disso, embarque em outro trem na linha Fuji Kyuko até a estação Kawaguchi-ko, totalizando cerca de 2h de viagem.

Já se quiser ir de ônibus, precisará sair também da Estação Shinjuku em Tóquio. Você consegue fazer a compra online do ingresso para o ônibus até o Monte Fuji para não correr risco de não encontrar vagas no dia!

2. Kinkakuji Temple, Kyoto

Também chamado de Templo de Ouro, Kinkaku-ji é a parte mais famosa do Templo Rokuon-ji. Repleto de histórias, a construção foi erguida em 1220 e já passou por diversas reconstruções, a mais recente datada de 1955. O grande diferencial desse ponto turístico – e o grande motivo para seu nome – é que o prédio central realmente é coberto por folhas de ouro.

Não dá para encontrar algo assim em outro lugar, não é mesmo? Por isso não perca a chance de visitar o templo. Kyoto é uma cidade a 5h de Tóquio e vale a pena retirar alguns dias apenas para visitá-la enquanto estiver em terras japonesas!

Como chegar: Na estação central de Kyoko, pegue o ônibus 101 ou o 205, que vai direto para esse ponto turístico e chega em frente a ele em cerca de 40 minutos.

3. Atomic Bomb Dome, Hiroshima

Também conhecido como Memorial da Paz de Hiroshima, esse ponto turístico está ligado aos acontecimentos da guerra quando a cidade de Hiroshima foi bombardeada. O Parque abriga o memorial e é um local para reflexão e também muito procurado por pessoas que tem interesse em história.

Como chegar: Na Estação Central de Hiroshima, pegue um trem na Linha Dentetsu e desça na Estação Genbaku Dome-Mae. Nessa altura já estará dentro do Parque e por lá basta buscar pela cúpula do Atomic Bomb Dome.

Se quiser conhecer outros lugares históricos para visitar, não deixe de conferir nosso post sobre o tema!

4. Tokyo City Hall, Tóquio

O Tokyo City Hall é a base do Governo da cidade e um luxuoso edifício no centro de Tóquio. São 243m de uma construção de tirar o fôlego e que oferece dois observatórios para quem deseja ter uma vista inesquecível de um dos maiores centros urbanos do mundo. O prédio tem entrada gratuita e você só irá gastar caso deseje aproveitar alguns drinks no bar panorâmico que fica a muitos metros acima do solo.

Estátua em frente a um prédio japonês

Como chegar: Essa é uma parada bem no centro da cidade, portanto fica perto de inúmeras estações de metrô. Saindo do lado Oeste da Linha Oedo na Estação Shinjuku, você terá que caminhar apenas 10 minutos para chegar ao edifício.

5. Sanjusangendo Temple, Kyoto

Esse templo budista tornou-se conhecido como um dos principais pontos turísticos do Japão por abrigar as 1001 estátuas douradas da Deus Kannon. Passear pela área do Salão do Rei Lótus certamente será uma experiência única e que te ajudará conhecer mais da cultura e hstória nipônica.

Como chegar: Na Estação Central de Kyoto, pegue um ônibus até Hakubutsukan-Sanjusangendo-mae. Ou então, vá de metrô até a Linha Keihan, na Estação Shichijo e aí basta você fazer uma caminhada de 5 minutos até o templo.

6. Harajuku, Tóquio

Harajuku é um bairro inteiro na cidade de Tóquio mas precisava estar em nossa lista! Esse é considerado o local mais geek do mundo e possui uma grande concentração de pessoas ligadas à moda. Nesse espaço irá encontrar de tudo: cafés temáticos, lojas para cosplay, áreas de playground, lojas de beleza e roupa, e muito mais.

A cultura desse bairro é tão forte que existe um estilo de roupa conhecido como “Harajuku Style”. É uma experiência tão intensa e diferente que só poderá viver nesse bairro japonês!

Como chegar: Vá até a estação central de metrô e pegue um trem na linha Yamanote. Sua parada é na Estação Harajuku e aí já estará no coração dessa região sem comparação!

7. Universal Studios Japão, Osaka

Sabemos que existem outros parques da Universal Studios pelo mundo, mas nenhum deles se compara ao que fica localizado em Osaka, no Japão! Além de áreas tradicionais como o The Wizarding World of Harry Potter, o Jurassic Park e outros brinquedos de grandes sucessos da produtora, o parque possui atrações únicas como o Hello Kitty’s Corner Café e o Super Nintendo World.

Tire um dia para conhecer esse ponto turístico e se divertir para valer do outro lado do mundo!

Como chegar: Pegue um trem na Estação de Nishikujo no centro de Osaka e vá direto até a Estação Universal City. Em poucos minutos de viagem já estará de frente com o parque!

8. Yume no Tsuribashi, Shizuoka

Você já ouviu falar sobre a Ponte dos Sonhos? Essa é a Yume no Tsuribashi, uma passagem de 90m suspensa sobre um lago de águas azul esverdeadas que parece saído diretamente de um sonho. A ponte fica em um desfiladeiro e é a parada perfeita para quem deseja ter um contato mais próximo com a natureza, ainda fica perto de uma fonte de águas termais perfeitas para relaxar.

Como chegar: Ao contrário das outras opções da lista, dessa vez recomendamos não ir sozinho até essa atração. Há excursões que levam de Tóquio até Shizuoka para turistas interessados em conhecer o desfiladeiro onde se encontra a Ponte dos Sonhos.

9. Shibuya, Tóquio

Shibuya é outro dos bairro únicos de Tóquio, super diversificado e com uma vida noturna movimentada. Por lá é possível visitar o Yoyogi Park, as ruas repletas de lojas de grife, a Takeshita Street e até conhecer a estátua de Hachikõ, o cachorro que inspirou a história do filme “Sempre ao seu lado” – e quem nunca se emocionou com essa produção, não é?

Como chegar: Da estação central de metrô, basta pegar um trem que passe na linha Ginza ou Hanzomon e parar na estação Shibuya. Também dá para ir do bairro de Harajuku diretamente para esse, também pelas linhas de transporte público.

10. Osaka Castle, Osaka

Osaka é uma cidade moderna mas que não deixa de lado sua história. Prova disso é a preservação do Osaka Castle, uma construção de meados de 1500 que até hoje é muito visitada. Esse edifício fica em um parque com paisagens lindas, um museu e visitação guiada por um símbolo da cultura japonesa. Certamente é uma lembrança que irá querer trazer de sua viagem!

Osaka Castle

Como chegar: Na estação do centro de Osaka, pegue a condução da Linha Loop JT até a Estação Morinomyia. Ao descer, já estará de frente com o parque onde fica o castelo!

E aí, você já conhecia esses pontos turísticos do Japão? Aqui na Coris dá para encontrar muitos outros roteiros de viagem para aproveitar ao máximo novos destinos, e sempre em segurança!