Home Destinos de Viagem O QUE VOCÊ PRECISA SABER ANTES DE VIAJAR PARA ESPANHA

O QUE VOCÊ PRECISA SABER ANTES DE VIAJAR PARA ESPANHA

0
199

Saiba quais são as regras de entrada; de circulação (passe sanitário); inclusive para menores de idade

Muitos países, principalmente os europeus, estão fazendo uma diferenciação entre as regras de entrada e circulação. Alguns países estão com medidas distintas, inclusive sobre quais vacinas são aceitas.

Por exemplo, pode ser que a sua vacina seja aceita para entrar em um país, mas não suficiente para frequentar locais fechados sem a comprovação de um teste RT-PCR.

A CORIS te ajuda a saber quais são todas essas regras:

Regras de entrada:

  • Turistas totalmente imunizados: com as vacinas Pfizer, Moderna, Janssen, AstraZeneca, Sinovac e Coronavac/Butantã não precisarão apresentar RT-PCR ou fazer quarentena (não se aplica a menores de 12 anos). A segunda dose ou dose única deverá ter sido aplicada pelo menos 14 dias antes do embarque. Também será necessário preencher o formulário Spain Travel Health. Depois de preenchido, basta apresentar o QR code no momento do embarque e na chegada à Espanha.
  • Aqueles que não estão vacinados, devem apresentar qualquer um dos seguintes certificados:
  • Teste PCR negativo de Covid-19, realizado 72 horas antes da chegada ao país europeu;
  • Teste de antígenos realizado 48 horas antes da chegada;
  • Certificado de recuperação da COVID-19, com prazo máximo de 180 dias a partir da data da amostra.
  • Além de turistas vacinados, são aceitos: titulares de visto de longa duração; pessoal de transporte, marinheiros ou funcionários de transporte aéreo; pessoal diplomático e consular, de organizações internacionais, militares, da proteção civil e membros de organizações humanitárias, no exercício das suas funções.
  • Todos os passageiros (incluindo crianças de qualquer idade, viajantes em trânsito e residentes em Espanha que regressam a casa) devem preencher o Formulário de Controle de Saúde associado à sua viagem:
  • Ao viajar por mar (ferries): isso pode ser feito através da seguinte ligação.
  • Ao se viajar por terra: não é necessário formulário.

Depois de terminar o formulário, você receberá um código QR code que terá que ser apresentado tanto no momento do embarque quanto na sua chegada à Espanha nos controles de saúde.

  • É necessário embarcar com um seguro viagem com cobertura de pelo menos 30 mil euros*² – que já era obrigatório para aqueles com destino aos países do Tratado de Schengen.

Regras de entrada para as Ilhas Canárias estão disponíveis em hellocanaryislands.com

Regras de circulação (passe sanitário):

  • Uso de máscara: Máscaras faciais são obrigatórias em espaços públicos. Sua utilização também é obrigatória em todos os meios de transporte público, bem como em veículos particulares, se os ocupantes não viverem juntos no mesmo endereço. Exceções são feitas para crianças com menos de seis anos de idade e para pessoas com deficiência ou doenças respiratórias.
  • Aglomeração de pessoas: Os encontros sociais ao ar livre estão limitados a seis pessoas. Devem ser garantidas medidas de distanciamento físico e devem ser tomadas as máximas precauções para evitar reuniões e sobrelotação em locais interiores. Podem ser aplicados desvios regionais.
  • Transporte público: A utilização de máscara facial é obrigatória em todos os meios de transporte público para todas as pessoas com idade igual ou superior a seis anos. Aplicam-se procedimentos para evitar a aglomeração na entrada e saída dos transportes públicos.
  • Estabelecimentos: As lojas devem assegurar a aplicação de medidas de desinfeção e de distanciamento social. É necessária uma atenção especial nas áreas comerciais e nos mercados de rua.

Em geral, o distanciamento social de 1,5 metros no café é obrigatório e as mesas devem estar, pelo menos, 1,5 metros de distância. Para os restaurantes, aplicam-se limites de pessoas por mesa e o jantar interior é limitado, de acordo com as regras em vigor em diferentes regiões autónomas.

Para mais informações: Recomendações do Governo espanhol para a indústria de serviços (em espanhol).

  • Alojamentos turísticos: A ocupação é muitas vezes limitada, especialmente na recepção e em áreas comuns. Pode haver restrições em serviços de estacionamento. Pode haver limitações temporárias no número de hóspedes por mesa. Todos os serviços turísticos devem garantir a segurança de todos, com base em três princípios essenciais: distanciamento social, higiene e comportamento responsável. As medidas podem ser alteradas quando necessário para responder à situação local do COVID-19.
  • Cinemas, museus e atrações internas: As Regiões Autónomas são as autoridades competentes que regulam o acesso a estes locais. As rotas serão concebidas para facilitar o distanciamento social e a utilização de espaços exteriores é incentivada. O uso de uma máscara facial é obrigatório. 
  • Áreas ao ar livre e praias: A maioria das praias são espaços públicos com acesso gratuito, mas dependendo dos seus níveis de ocupação, os governos locais podem aplicar medidas para garantir o distanciamento social. Em algumas regiões, as máscaras são obrigatórias na praia para algumas situações. Em espaços naturais protegidos, pode haver limites de tempo para a utilização de centros de visitantes ou pontos de observação.
  • Protocolos de saúde para serviços turísticos e turistas:A Secretaria de Estado do Turismo, em coordenação com o Ministério da Saúde, desenvolveu protocolos e orientações com especificações de serviço, limpeza, desinfeção, manutenção e gestão de riscos relacionadas com 21 subsectoriais turísticos (restaurantes, agências de viagens, campos de golfe, alojamento rural, museus, guias turísticos, etc.).
  • Está permitido circular livremente no país? Informações e medidas específicas para cada região (em espanhol) podem ser encontradas em:

Navarra
Pais Vasco
Murcia
La Rioja
Islas
Canarias
Islas Baleares
Galiza
Extremadura
Comunidad Valenciana
Comunidad de Madrid
Cataluña
Castilla y León
Castilla La Mancha
Cantabria
Aragón
Andalucía
Asturias
Ceuta
Melilla

Saiba mais:
Espanha Viagens Saúde

Ministério da Saúde espanhol
Spain.info

Obrigatoriedade do SEGURO VIAGEM*²:

Vários países ao redor do mundo exigem seguro viagem de seus turistas. É o caso de 30 nações europeias, inclusive Espanha, que fazem parte do Tratado de Schengen, que determina que os viajantes precisam de uma cobertura mínima de € 30 mil para entrar em seus territórios.

Os governos adotam esse tipo de medida para evitar rombos na saúde e dívidas para a administração pública, principalmente se o destino possui um sistema público de saúde de qualidade.

Desta forma, no caso da CORIS, nossa Central de Atendimento 24h cuidará de qualquer emergência médica coberta pelo seguro, e o país não precisará arcar com tais custos. É uma maneira de proteger os cofres de um país, assim como, para o turista, é uma forma de proteger seu próprio bolso.

Está planejando sua viagem para Espanha? Descubra a forma mais segura de viajar: cote já e garanta o seguro viagem mais completo do Brasil.